terça-feira, 6 de outubro de 2009

Já assisti filmes que me identifiquei com um personagem ou outro, ou que gostaria de ser um personagem (The Lost Boys, eu sonhava em ser a Star), também aparecem filmes em que eu me identifico com a mensagem e parece que foi feito pra mim. Ontem eu e o Ravi assistimos um filme que não só nos identificamos com o tema ou personagem, nós nos identificamos com tudo, era a gente, mas sem o Arthur, cada defeitinho dos personagens eram nossos, cada reação era a que a gente ia ter, foi muito engraçado.
O filme se chama Away We Go, um filme sobre um casal que está prestes a ter um bebê e resolve procurar um lugar melhor para viver e crescer como família.
Nós já assistimos o trailer um zilião de vezes, mas não tinha me prendido, mas quando eu vi a caxinha nos lançamentos da locadora, não deu pra resistir, a capa do filme é muito legal, com um visual meio Juno, carinha de filme alternativo de qualidade, gosto dessas coisas (pra quem ficou na dúvida, sim, eu compro os livros que leio pela capa, se for feia eu não abro, mas se for antiga e feia eu abro)
Bom, então é isso rapaziada, se vocês quiserem conhecer um pouco mais de nós, principalmente o quanto estamos perdidos, mas sempre a procura de um cantinho pra fincar a raiz, assista esse filme.

2 comentários:

Pai dos trigemeos disse...

So, tambem gosto desse tipo de filme, despretencioso mas que toca em pontos sensiveis da vida, daqueles que fazem a gente pensar sobre um monte de coisas. Quero assistir tb!
O diretor, Sam Mendes, eh craque, fez filmes como American Beauty [com Kevin Sapacey], Road to Perdition [com Tom Hanks] e Revolutionary Road [com minh atriz preferida Kate Winslet].
bjs
Octavio

Soraya Wallau disse...

Putz, Revolutionary Road é um dos meus favoritos dos últimos tempos, o filme é muito tocante.
Pois é, os filmes dele são muito bons mesmo e esse não fica atrás, vc vai gostar.
Bjão