quinta-feira, 2 de abril de 2009

Na Biblioteca e umas vacininhas.

Ontem nós fomos levar o pequeno pra vacinar. Ele chegou todo se achando, falou desde a hora que chegou da escola que estava pronto pra ir no médico (ele não sabia que iria tomar vacina!), então quando chegamos lá ele já tinha uma lista de problemas para resolver com o doutor.
Na sala de espera, toda vez que uma família entrava em um consultório só ouvíamos um grito, choro e nós, eu e o Ravi, já sabíamos que se tratava da dita vacina. O Arthur quando ouvia o choro tampava o ouvido e reclamava que nem o Zé Buscapé e eu dizia: "Não faz assim, deve estar acontecendo alguma coisa, Não faz isso que é feio..." Aquele papo de mãe, mas ele continuava a reclamar, até que chegou a nossa hora de entrar e ele me solta um : "Até que enfim!", nem preciso contar que quase me enfiei embaixo das cadeiras, né?!
Bom, nós entramos, ele sentou na cadeira ao lado da enfermeira e quando ela penguntava alguma coisa ele já falava, qualquer coisa, mas falava...
Daí, ela começou a preparar as vacinas, eram 3, duas em um braço e uma em outro, e ele começou a ficar vermelho...veio pro meu colo e aí começou a sessão de dardo.
Na primeira ele ficou vermelho que parecia que ia explodir, mas segurou o choro, na segunda falou "Auuu" e uma lágrima saiu, na terceira saiu um grito de "Aaaauuuuu", daí ele chorou, mas um choro contido, daí abriu a porta e reclamou: "Eu não volto mais nesse lugar!", só faltou um passar bem no final.
Ele ficou bravo sentou pra esperar o efeito da vacina soltando fogo pelas ventas e de vez em quando soltava um "Isso não é justo", bom, eu expliquei o motivo das vacinas, mas na hora da raiva não adianta muito.
Depois de lá, fomos numa biblioteca municipal que fica no mesmo prédio que o centro de saúde, daí ele se animou, principalmente quando viu que lá tem um monte de DVDs do Arthur, desenho que ele adora.
Fazia tempo que eu queria ir lá, mas nunca dava certo, dessa vez não teve muita desculpa. Eu amei o lugar, tudo é muito arrumado, tem livro sobre tudo e todo mundo fica super a vontade.
Eu aluguei o filme Anne of Green Gables que eu só assisti a partir do segundo, pois na locadora o primeiro desapareceu, e aluguei também um audio-book: Christmas Shoes, que me pareceu bem interessante.
Eu recomendo a todos irem na biblioteca, pois aqui tem tantas e não deixa de ser um lugar a conhecer, mesmo para os que não gostam tanto de ler, de repente acende uma luzinha, não é?!
Bom, agora vou continuar ouvindo o meu audio-book, que está bem legal!

6 comentários:

Pai dos trigemeos disse...

Vacina eh chato mesmo. Outro dia os nossos tambem tomaram 3 de uma vez e choraram pra valer. Tadinhos.
Eu quero biblioteca publica!!! Decente, em ordem, bonita e funcionando!!! Aqui nao tem...que vergonha, ne?!

Soraya Cruz Wallau disse...

Olha, vou te falar q vc vai adorar!!! Eu estou apaixonada e não vejo a hr de voltar!
Bjos!

Janine disse...

Ninguem merece 3 vacinas no mesmo dia, neh? Tadinho dele!
Amooooooo biblioteca, livraria, bookshop, papelaria e tudo que tem a ver com papel. Rsss hoje mesmo deixei o William Jr. na escola e fui a um cafeh com uma amiga. Daih passamos na Livraria Saraiva, pois queria comprar para essa amiga um livro sobre medicina ortomolecular. Acabei ficando lah um tempao, olhando os livros, folheando, lendo um 'cadinho' de alguns...
Agora biblioteca eh um show, nao eh? Em Calgary tem umas de fazer a gente nao querer voltar para casa!
Eu estou muito envolvida em leituras sobre cafeh nowadays. Fase.
Beijo e tomara que vc consiga voltar lah logo.

Soraya Cruz Wallau disse...

Oi Janine, eu quero voltar nesse sábado, fiquei louca pra alugar mais filmes! E tem uma bem pertinho daqui de casa! Bjinhos.

The Land of Wind disse...

Acabei de iniciar um blog. Vamos ver se vou ser diciplinada como voce!
Bjokas e boa noite.

The Land of Wind disse...

ahhhh, sou eu Janine! hehehe