quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Adquirindo mais uma experiências, vendo pelo lado positivo, claro!


Hoje o Chinook foi embora, as temperaturas baixaram de 7 C para -13 C (com sensação térmica de -32C).

Como o canal do tempo é um grande aliado contra o mau tempo, olhamos assim que acordamos e já ficamos preparados para como eu ia buscar o pequeno na escola, decidi ir de táxi, pois o ponto onde eu espero o ônibus é descoberto e nesses dias, por as ruas estarem congeladas, o ônibus custuma demorar.

Chamamos o táxi 1 hora antes da saída do coisinho,esse ia chegar em 10 ou 15 minutos e chegou!

Entrei no táxi e falei o endereço. O motorista, querendo ganhar tempo resolveu dar meia-volta na frente da minha casa para pegar a avenida que vai pra escola, tudo normal, mas o carro atolou...

A rua nesses dias, por conta da neve, ficou com umas lombadas, formando duas valas onde passam os pneus, e como a neve congelou, essas lombadas viraram gelo. O táxi ficou atolado no meio da rua, atravessado.

O motorista, tentou de toda forma tirar o carro, mas nada adiantava, ia pra frente e pra trás e o carro só fazia derrapar, até que ele virou e disse: "Você sabe dirigir?". Eu disse que sim, então o homem me mandou ir pra direção que ele ia empurrar.

Engatei a marcha, acelerei e nada, tentei a ré e nada, a rua estava com o maior cheiro de pneu queimado...

A vizinha da frente veio nos ajudar, mas não resolveu nada. Até que o cara veio na minha casa e pegou a pá deu uma limpada, que nada resolveu...mas depois, xigando muito, na língua dele, ele cavou mais e o carro desatolou.

A gente estava um bagaço, super cansados e congelados, ficamos por volta de 15 minutos, que pareceram uma eternidade.

No final a única coisa que eu pude dizer, além de desculpas por ter feito ele passar por aquilo, foi que agora nós tínhamos mais uma história pra contar, ele concordou e me perguntou: "Você já tinha dirigido um táxi antes?". Eu disse que nunca, aí foi uma gargalhada só.

Esses dois fundinhos na neve são as marcas do pneu do táxi

10 comentários:

Pai dos trigemeos disse...

putz, imagino a cena! que loucura, cada aventura, nao? E o taxi era pra agilizar a ida pra escola, ve soh?! Mai uma pra contar mesmo.
Valeu pelos recados no blog, principalmente aquele sobre a historia que vai ficar pra eles.
Beijo

Nê & Lelê disse...

Que situação, heim!?
Mas isso mesmo, temos que vermos sempre pelo lado positivo, só assim tiramos belas lições para a vida...

Um otimo fds para vcs!!

Bjinhuss

Anônimo disse...

Oi Soraya,

Essa foi otima!!!
Eu ia adorar dirigir um taxi...hehehe
Mas, na verdade o que eu queria mesmo era dirigir uma ambulancia...heehehe
Ja que aqui todo mundo tem que parar para as ambulancias passarem,e ai eles podem dirigir que nem doidos...hehehehe

Bom fim de semana, ah, aqui em London ta fazendo "calor' hoje ta....
1 GRAU POSITVO!!!!

Beijao,

Claudia de London

Soraya Cruz Wallau disse...

Oi Pessoal, mais uma aventura de Soraya nas Terras Geladas.
Octávio, as palavras foram sinceras, viu?!
Ne e Lelê, só virando zen budista mesmo pra aguentar.
Claudinha, depois de eu ter dirigido um taxi não duvido q vc possa dirigir uma ambulância. hahhaa.
Bjos pra todos e brigadão!

JHU disse...

Estava te devendo uns links, lembra?
Não achei seu e-mail então decidi mandar por aqui. Saudades dos papos Bjs

http://www.livroclip.com.br/

PDL - Portal democratização da leitura

http://www.portaldetonando.com.br/forum/portal.php

Soraya Cruz Wallau disse...

Êeeee!!! Brigada por lembrar! Bjo bem grande tbm estou com saudades!!!

Eliane disse...

Oi So adorei essa do taxi, só vc mesma rsrrsr.
Beijão, Eliane.

Soraya Cruz Wallau disse...

Pois é, tudo acontece aqui em casa. hahaha. Bjinhos.

Pinguinland disse...

oi So,

Tbem achei essa historia otima!! rsrsr Menina, mas para atolar esta a coisa mais facil. Atolei aqui na rua de casa e os caras da obra empurraram e depois atolei na frente da escola do Ma e as crianças ficaram na cerca achando o maximo e quando finalmente desatolou, deram um grito de urra!!! rsrs

beijinho

Soraya Cruz Wallau disse...

Oi Cê, pois é, ainda bem q atolar é comum por aqui, senão ia ser o maior mico. hahaha. Bjo grande!!!